26 setembro 2006

No RS há uma história folclórica que conta: Pedro Malazarte chegou a uma fazenda pedindo pouso e dizendo que era um rico fazendeiro do Uruguai. Encantaram-se ele e a filha do fazendeiro e o pai dela anteviu a possibilidade de desencalhar a filha já trintona. Pedro Malazarte ficou hospedado um mes na casa do fazendeiro e entao pediu a mao da moça. O estancieiro prontamente mandou vir o padre e matar dois bois para grande festa de casamento. Um dia antes do casamento Pedro Malazarte cai de cama e quando todos perguntavam o que ele tinha respondia que nao tinha nada. No outro dia estava de pé restabelecido e a festa foi linda. Alguns dias após o casamento quando deveriam partir para sua fazenda no Uruguai ele disse que nao tinha fazenda nenhuma. E nao puderam acusa-lo de mentir pois passara o dia inteiro antes do casamento avisando que nao tinha nada. Moral da história: Quando Lula quebrar o país ninguém poderá dizer que ele nao avisou. Disse seguidamente que nao sabe de nada.

6 comentários:

Nat disse...

Querida Keikas,

Espero que a única diferença seja na conclusão final. Pedro Malazarte sempre se deu bem. Lula, com fé, cairá do cavalo (risos).

Bjs

Saramar disse...

Querida, espero que não!
Espero que ele quebre a cara, isso sim.

beijos

Serjão disse...

E além disso que a Nat escreveu existe uma moral da história. Não sem se algum petista tem moral. Abs

Passarim disse...

Kaka,

Ele sabe que nos sabemos que ele é o responsável e agora vai lamear o nome da PF. Mesmo com toda capacidade técnica e competência a PF, está literalmente com a bomba na mão, ou seja com a responsabilidade de informar a população que não há perigo, que todos podem ir votar tranqüilos que ao apertar a tecla confirme não estaremos acionando o restante do explosivo, portanto, sem perigo de que todos caiam numa armadilha, hoje silenciada e amanhã estardalhante reeleição dos fabricantes deste artefato chamado “Dossiê Fajuto”. Constituída pelos melhores servidores, os mais capacitados funcionários de carreira do País, não é justo que a obrigação de silêncio, que não é estatutária, jogue na lama o nome da nossa melhor polícia, a Federal, ao pactuar com interesses contrários aos princípios da democracia republicana. Abs Jarbas

cleber disse...

Visitem meu blog. Postei uma foto do Lula fixado no DOPS com um texto sobre a sua opção pela elite...
http://patacoadas-do-cleber.blogspot.com/

Ricardo Rayol disse...

ahahahahah tive que ler duas veiz pra modi intendê. moleque supimpa esse tár de malazartes.